Fetracoop-PR recebe o Registro Sindical


O Sintrascoop juntamente com seus associados trabalhadores em cooperativas na região oeste do Paraná, ganham ainda mais representatividade com a conquista do registro sindical recebido pela Fetracoop-PR, federação na qual á filiado.

“Passados 20 anos de  incansáveis lutas, contando sempre com o  apoio dos sindicatos que deram origem a essa  federação, inauguramos nossa sede própria em Curitiba (PR), e nessa terça-feira, 14/11, recebemos a notícia da publicação, em  Diário Oficial da União, da concessão do registro sindical da Fetracoop-PR”,  destaca o presidente da entidade, Clair Spanhol.

“Apesar de algumas forças alheias aos interesses dos trabalhadores paranaenses tentarem obstruir o registro sindical da Fetracoop-PR, o Ministério do Trabalho entendeu que no Paraná a federação é a legítima representante dos cooperários e cooperárias, concedendo assim nosso registro sindical”, comemora Spanhol.

“Agora, mais do que nunca, estamos respaldados a darmos continuidade  ao trabalho de organização trabalhista que já vínhamos realizando no estado”, disse o diretor da Fetracoop, Joel  Martins Ribeiro – presidente  do Sintracoosul.  “A Fetracoop-PR há 20 anos vem realizando um belíssimo trabalho de organização dos trabalhadores paranaenses. Agora com a publicação do registro sindical, temos reconhecida essa luta”, diz José Altair Constantino, presidente do Sitracoosp; para o presidente do Sintrascoom, Beno Schroder, “o estado do Paraná só tem a ganhar com o registro sindical da Fetracoop-PR, pois temos uma imbatível vocação agropecuária, e organizar os trabalhadores do setor é de vital importância para o crescimento da economia paranaense”. O presidente do Secoomed-PR, Rogério Kormann elogiou a perseverança dos dirigentes da federação: “frente a todas as tentativas de obstruir o registro sindical da federação, temos de reconhecer o valor desses dirigentes que envidaram em todas as instâncias do Ministério do Trabalho para que o registro fosse concedido”. O presidente do Sindicred, Luis Ribeiro parabenizou a todos os dirigentes que acreditaram na criação da federação: “são dirigentes sindicais comprometidos com a organização da classe trabalhadora, e o registro sindical é parte desse reconhecimento; não é o início, mas sim a continuidade de um belo trabalho desenvolvido por todos os envolvidos”, disse Ribeiro.

O presidente da Fetracoop-PR, destaca ainda que, a partir da publicação no DOU do registro sindical da federação, “a competência pela organização dos trabalhadores celetistas em cooperativas, chamados de cooperários e cooperárias, passa a ser exclusivamente da Fetracoop, inclusive os trabalhadores não sindicalizados, pois os benefícios de uns têm de ser estendidos a todos”, diz Spanhol.

2017_fachfetramat1.jpg2017_fachfetramat2.jpg

Fonte - Assessoria FETRACOOP




Leia também: